Cientistas encontram cavalo que morreu há 40 mil anos

Durante uma expedição de arqueólogos na Sibéria foi descoberto um cavalo (potro com 3 meses de idade) morto há 40 mil anos.

Ele se manteve preservado devido ao pergelissolo onde ele estava, que é o gelo permanente do subsolo.

 

matheussinnis Autor

Analista de Sistemas, é formado em Técnico em Microinformática e graduando em Sistemas de Informação, fascinado por sites e blogs de entretenimento e já contribui com conteúdo para internet desde 2012 nesse nicho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *